Aline Dutra
Escrito por Aline Dutra

5 formas de aumentar a conversão de conteúdo no last click

O tema modelo de atribuição vem sendo discutido há alguns anos, mas o mercado ainda não está maduro o suficiente, o que levou as ferramentas e lojistas a adotarem um modelo padrão, o last click.

Adotar um modelo de atribuição diferente do last click requer muita maturidade do negócio do lado do lojista. Ele precisa entender quais etapas do funil devem ser valorizadas, fazer testes para comprovar qual modelo retorna maiores resultados sobre seu custo e ter certeza que suas ferramentas internas estão calibradas corretamente, já que perderá o suporte do analytics de seus fornecedores que muitas vezes não dispõe de visão de resultados sobre outras atribuições.

Vale ressaltar que o modelo last click não foi adotado por acaso, podemos dizer que ele é mais democrático do que o first click por exemplo, pois permite que o afiliado crie estratégias para estar presente durante toda a jornada do cliente, desde a sua aquisição até a conversão. Já o modelo first click, um afiliado pode comprar mídia muito barata em massa (como site under) e não importa o esforço que outros afiliados façam dali para frente, e o quanto agreguem na decisão de compra, as conversões desses clientes já estarão determinadas. Além disso, uma mídia muito necessária para o e-commerce é o retargeting que aumenta a taxa de conversão a partir da recuperação de clientes abordados anteriormente, no modelo first click essa mídia não sobreviveria. Sendo assim o modelo last click não é um vilão, mas sim, um modelo que faz com que o afiliado esteja sempre atento e negociando as melhores condições para os seus clientes.

Se você é um “afiliado first click” (isto é, conteúdo que compra de mídia não baseada em comportamento, por exemplo), veja aqui formas de aumentar suas conversões dentro do modelo last click:


1-    CUPONS E OFERTAS
Busque as melhores condições para o seu cliente, trabalhe comparativos de preços e custo benefícios, e ofereça cupons sempre que a loja disponibilizar;

2-    MOSTRE QUE A LOJA É CONFIÁVEL
Deixe o seu cliente seguro, forneça o máximo de informações sobre a segurança da loja, referente à meio de pagamento, troca e devolução, entrega do produto, desta forma evita que o cliente passe por outras mídias buscando por esta informação.

3-    ESTEJA PRESENTE NA JORNADA DO CONSUMIDOR
Se você apresentou todos os argumentos para convencer o cliente e mesmo assim ele não fechou a compra, durante o contato com o conteúdo você precisa acompanha-lo/guia-lo durante a sua jornada, para isso você precisa dominar os formatos de mídias digitais, definir métricas e acompanhar os resultados referentes à interação dos seus clientes. Por exemplo, você pode criar uma régua de email para re-impactar os clientes que não converteram após 24h do contato com o seu conteúdo relembrando os benefícios do produto e condições de compra.

4-    OFEREÇA SUPORTE
Disponibilize canais para o cliente entrar em contato com você e saber mais sobre o produto. Caso você tenha uma audiência muito alta, você pode disponibilizar espaços para reviews e apoio de outros clientes.

5-    RECUPERE VENDAS CANCELADAS
Em média, 30% das vendas fechadas são canceladas por falta de pagamento do boleto, problemas com cartão de credito, entre outros motivos. Algumas redes de afiliado como a Lomadee permitem que você saiba qual o meio de pagamento realizado em cada compra, com essa informação é possível criar réguas de comunicação para recuperação destas vendas.