Lomadee
Escrito por Lomadee

Marketing de Afiliados e a crise econômica brasileira

Um dos assuntos mais falados atualmente, não importa aonde você vá, é sobre a tal crise que o Brasil está enfrentando neste ano de 2015. Até quem é leigo nesse assunto de economia está bastante preocupado, basta ir a um supermercado e ver as gôndolas cada vez mais vazias e com os preços de produtos cada vez mais altos.

Mas o que um blog que normalmente fala sobre marketing de afiliados está falando sobre a crise econômica brasileira? A questão é que em meio à crise existe sempre a palavra “oportunidade”, e o marketing de afiliados nada mais é do que uma oportunidade de independência financeira para quem trabalha com ele. Neste post, iremos abordar as vantagens de se trabalhar com este tipo de publicidade online e web marketing, abrangendo tanto o âmbito de um anunciante quando o de um Publisher.

Marketing de Afiliados

Marketing de Afiliados no ponto de vista do Anunciante

No atual cenário, muitas empresas cortam as verbas de marketing e publicidade para conseguir se manter de pé. Mas a questão é que essa não é a melhor forma de se trabalhar em meio à crise. Uma das vantagens que o marketing de afiliados oferece para os anunciantes que optam por trabalhar com este tipo de publicidade online é o ROI garantido, ou seja, o famoso retorno sob investimento de fato volta para o anunciante.

No modelo de marketing de afiliados, o anunciante só paga pelo o que ele conseguiu angariar com as suas campanhas, o que faz com que o custo benefício seja bem alto. Quer outro motivo para apostar no programa de afiliados que não este? Dentro dessa ferramenta, está a estratégia da cauda longa, onde no caso da Lomadee, a plataforma possui mais de 250 mil publishers que veiculam as campanhas em seus canais. Este é o maior exemplo de que “a união faz a força”.

Marketing de afiliados e os anunciantes

Marketing de Afiliados no ponto de vista do Publisher

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desemprego do Brasil subiu a 8,6% no trimestre encerrado em julho, renovando o nível mais alto desde 2012. Alguns dados do setor financeiro indicam que os brasileiros estão sacando mais dinheiro da poupança do que depositando, o que é no mínimo preocupante.

Dizem então que o aumento do desemprego estimula o empreendedorismo, o que é verdade, e é aí que entra o marketing de afiliados e o programa de afiliados, que faz com que as pessoas que decidiram entrar para este universo da monetização online ganhem dinheiro sem sair de casa e tenham a sua tão desejada independência financeira. Até mesmo quem ainda não foi afetado pelo desemprego está buscando novas formas de fazer renda extra com a internet. A resposta pra este complemento de renda está no marketing de afiliados.

Muitos publishers também estão trabalhando com o Cashback, modelo e-commerce no qual devolve ao comprador parte do dinheiro pago em determinado produto ou serviço adquirido dentro da plataforma de marketing de afiliados. Este é um modelo bom para o consumidor, o qual recebe um dinheiro de volta e para a empresa gestora do negócio de cashback, que vai vender muito mais utilizando esta ferramenta. A prática do Cashback já está sendo bastante difundida por aqui e, muitos dos grandes players do mercado brasileiro estão com a Lomadee, como o Meliuz, Poup e Cashola.

Outra modalidade que está sendo bastante utilizada no marketing de afiliados é uso dos cupons, pois são uma forma de economizar comprando online. Os publishers que trabalham com a divulgação de cupons estão sendo muito procurados, pois quem é que não quer economizar em tempos de crise?

Um dos maiores propósitos da Lomadee é estimular o empreendedorismo e a independência financeira e esse é o momento certo para isso acontecer. Caso ainda não possua uma conta na Lomadee, cadastre-se agora e comece os seus trabalhos com a monetização online.

marketing de afiliados e os publishers

 

Saiba tudo sobre Marketing de Afiliados.