Lomadee
Escrito por Lomadee

Web analytics: entenda os termos mais comuns em métricas

Analisar resultados de web analytics é essencial para mensurar suas ações de marketing digital, identificando o que oferece melhor retorno para aumentar o investimento e as melhorias que devem ser feitas. Porém, web analytics conta com uma série de termos específicos e nem sempre muito conhecidos, por isso preparamos um pequeno glossário dos termos mais comuns em métricas, para que você possa entender melhor relatórios do tipo e comece já a melhorar as estratégias do seu site, blog ou e-commerce.

Visita: também chamada de sessão, representa o acesso de um visitante ao site. A visita compreende o tempo desde a abertura da página, a navegação pelos links até o momento em que o visitante saiu.

Visitante: é o usuário web que acessou seu site ao menos uma vez. Ou seja, se uma pessoa acessa seu site pela manhã e mais uma vez à noite, em web analytics, são consideradas duas visitas e apenas um visitante. É importante saber que, ao acessar o site, o visitante é identificado através de um cookie gerado em seu navegador. No entanto, esse dado pode não ser muito preciso, uma vez que o visitante pode limpar o cookie ou pode acessar o site por um navegador diferente e não ser identificado.

Pageviews: são as visualizações de páginas do site. Em uma única visita, o visitante costuma navegar por diversas páginas. Saindo da home, ele busca um produto, clica em contato, busca outro produto… Cada página que ele acessou, contabiliza um pageview. Essa métrica é importante para entender o comportamento do visitante durante a navegação no site.

Taxa de rejeição: também chamada de “bounce rate”, essa métrica pode ser definida de diversas formas dependendo da ferramenta que fará a mensuração dos dados. Em alguns casos, essa taxa indica o número de visitas nas quais o visitante deixou o site tendo visitado apenas uma página. Em outros, a métrica é medida pelas visitas de menos de 30 segundos em uma página sem mais cliques.

Percentual de saída: indica qual o percentual de visitantes que deixou o site ao visitar determinada página. Essa métrica é bem interessante, em blogs de conteúdo é possível saber em qual momento, ou seja, em qual página o visitante decidiu que aquele conteúdo não era mais relevante para ele. Em e-commerce, é importante saber o percentual de saída na página de check-out, que indica quantos potenciais clientes abandonaram o carrinho.

Existem muitos outros termos em web analytics que podemos (e devemos) explorar para entender com clareza os dados e os relatórios gerados. Com esse pequeno glossário, você já tem uma visão mais ampla das possibilidades de informações que o web analytics pode oferecer para moldar suas futuras estratégias on-line. Boa sorte!